Mari  Silva Alexandre

Sou flor, Sou amor. Sou Dor, Sou amor. É nisto que me resumo.

Textos


      ATAQUES E CRÍTICAS

 

Quando eu conheço a autoria eu dou créditos às obras. Quando não sei de quem é, eu coloco as aspas, para que saibam que não sou eu a autora.

De alguns escrito que leio, eu gosto de ter plena certeza de que o nome na obra é realmente de quem a escreveu. Por exemplo, há muitos textos de autoajuda com o nome de Clarice Lispector, que jamais escreveu nessa linha.

Infelizmente, o mundo está de pernas para o ar. A polarização a qual ele se encontra, é insuportável. Dependendo da autoria de certas citações, há o escrache. Insultam porquê quem escreveu é comunista, é de esquerda ou por qualquer outra razão. Como se esse fato invalidasse uma ótima reflexão, ou uma bonita história. Não se trata mais do que está escrito, mas de quem escreveu.

O fato é que, há algumas pessoas que sobrevivem de fazer péssimos julgamentos e críticas alheios. Como se estes fossem seus alimentos. Mal sabem as pessoas que apenas se apequenam, perante a vida e perante a Deus.

 

Nada a vir com essa situação em particular, mas, eu noto que, se uma pessoa da classe artística ou da classe intelectual se manifesta politicamente, contrária ao governo atual, ela é escorraçada e atacada com a lei rouanet. Muitos artistas e intelectuais jamais usaram desse benefício e sofrem com preconceitos. Assim como, muitos daqueles que fazem as acusações não sabem como é que funciona a tal lei.

Parece-me que os valores estão perdendo o seu real sentido. A destruição do caráter alheio se tornou prioridade dos malfeitores.

A humanidade tem se tornado cada vez mais arrogante, manipulara e hostil. Tudo isto é muito triste.

Fique bem e até a próxima.

Sinceramente,

Mari S Alexandre
Enviado por Mari S Alexandre em 12/01/2022


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras